A grandiosidade de Elis Regina retratada em filme sobre cantora

0

Elis Regina dispensa qualquer tipo de apresentação. Um ícone feminista, artístico e humano! A cantora brasileira conquistou o mundo com sua voz, seu carisma e seu talento. Se hoje a MPB é o que é, grande parte disso é graças ao talento e esforço de uma artista completa. A mesma teve uma vida digna de um filme e isso, se tornou real. O filme não teve lançamento nacional e já levou prêmios de uma das premiações cinematográficas mais importantes da América Latina.

Andréia Horta no papel de Elis Regina

Andréia Horta no papel de Elis Regina

Vencedor de três Kikitos no 44º Festival de Gramado – melhor filme pelo júri popular, melhor atriz para Andréia Horta (atriz que interpreta Elis) e melhor montagem para Tiago Feliciano –, o longa traz alguns dos momentos da carreira e da vida pessoal da gaúcha, como a chegada ao Rio de Janeiro no dia do Golpe Militar de 1964; o rápido sucesso e o amadurecimento musical; o terror imposto pelos militares; a parceria amorosa e artística com o pianista César Camargo Mariano, que rendeu espetáculos históricos como Falso Brilhante; a maternidade e o fim da vida.

Destaque para a fotografia da cinebiografia. Brilhante! Apenas isso define a perfeição dos takes, das imagens, da cenografia e até mesmo dos filtros escolhidos. Outro destaque que dou é para a interpretação de Andréia Horta, uma atriz que veio a estourar nas novelas mas tem uma bagagem considerável e colocou todo seu talento nesse papel. Preste atenção no trailer:

Compartilhe.

Sobre o Autor

CEO do Explosive Box e Publicitário, louco por qualquer tipo de arte que me encante. Também sou editor-chefe das colunas de Moda e Música.

Leave A Reply