BANDSINTOWN: o app destinado aos amantes da boa e velha live music

0

Viajantes ou não, dos que vão aos que ficam, eternos amantes da alma (in)quieta,  entregues à sublime sensação de viver a música, eis o aplicativo certeiro a esse viciante, prazeroso e recíproco investimento: o Bandsintown, testado e aprovado – apesar de sua história não tão recente -, é a ponte que auxilia na busca pelos eternos shows das nossas vidas. A dica de hoje segue, portanto, também, a tendência que o Brasil vem assumindo de ser, cada vez mais, contexto dos mais variados gêneros, festivais, shows e artistas do mundo da música, criando e resgatando toda uma geração capaz de protagonizar esse movimento – e de apaixonar-se, agora, mais do que nunca,  por essa ferramenta! -.

11880748_613749248728714_2117550847_n - Cópia

Visualmente organizado, simples e auto-explicativo, ele pode ser desfrutado das mais diversas formas. De acordo com a preferência de navegação do usuário, a disponibilidade dos concertos faz-se por localização, data e/ou artistas, revelando o que acontece de inédito – ou não – por aí ao redor do mundo e próximo a onde quer que você se encontre ou se esconda. Além disso, no momento do cadastro, o aplicativo oferece a possibilidade de conexão direta com a sua conta no Spotify, facilitando, assim, a busca pelos shows que mais se relacionam às playlists e, portanto, ao gosto musical. Ele, ainda, recomenda os melhores (apesar, certamente, da relatividade dessas sugestões) shows/artistas da região, aponta o local dos eventos, auxilia na procura por tickets mais econômicos e permite a socialização entre amigos. Ufa!

Democrático, o Bandsintown parece existir na tentativa de atender a todas as loucuras, desde as mais pensadas e programadas às “tonight” de um dia qualquer em uma cidade mais qualquer ainda. A oportunidade de conhecer um artista live, seja você fã ou não dele, é o clímax dessa entrega. E a chance de perseguir esbarrar com aquela banda que arrepia a alma – ARCTICMONKEYSCOF – pela eternidade é meramente aquela renascença única…!

E aí? “Never miss a show again” mesmo?

A gente… Bom… A gente acredita que nada vale mais nesta existência do que investir, seja como for, no que mais nos enriquece a vida de vida. A música, dentre tantas outras saídas, faz-se, com certeza, nessa entrada.

Compartilhe.

Sobre o Autor

Filha dos anos 90, estudante e amante de Psicologia, sangue e calor paraibanos. Socorro-me da alma pra (sobre)viver. Por isso escrevo. Por isso meus tantos eus e cás comigo...

Leave A Reply