A dança das cadeiras entre estilistas e marcas em 2014

0

2014 foi o ano do “entra e sai” de estilistas, tanto em marcas internacionais como nas nacionais. Foi tanto vai e vem, que nesta altura do campeonato já nem nos lembramos mais quem são os responsáveis por cada grife. E para quem gosta de moda, este é um fato crucial para entender a identidade de cada uma e saber o que esperar dos próximos desfiles.

hermes-eb

Em Julho, a Hermès anunciou a saiada de Christophe Lemaire, responsável pelo prêt-à-porter feminino da marca desde 2010. Para substituí-lo, entra Nadège Vanhee (ex The Row e Céline) que assume o cargo de diretora artística a partir da coleção de Inverno 2016, que será apresentada em março de 2015.

Peter e Guillaume-eb

Em Outubro, o britânico Peter Copping, deixou a marca Nina Ricci, no qual ficou por cinco anos, para ser estilista da Oscar de La Renta, poucos dias antes da morte de seu fundador. Quem assumiu a Nina Ricci foi Guillaume Henry, que deixou seu posto de diretor artístico da Carven no mesmo mês. Henry foi responsável por alavancar a Carven e colocá-la de volta no mapa fashion. A marca ainda não nomeou seu substituto.

John Galliano-eb

Três anos após ser demitido da Dior por declarações antissemitas, John Galliano foi anunciado como diretor criativo da Maison Martin Margiela, marcando seu retorno à moda. Margiela, sempre teve um prospecto discreto em relação à sua equipe criativa, mesmo quando seu fundador, Martin, fazia parte do time. Isso talvez, pelo conceito minimalista proposto pela marca. E nós sabemos muito bem que Galliano é totalmente o contrário, já que sua carreira e pessoa é conhecida por aparições extravagantes e escândalos. O que será que ele reserva para a marca?

Frida Giannini -eb

Recentemente, a Gucci anunciou que sua diretora criativa Frida Giannini e o CEO Patrizio di Marco deixarão a grife em breve. A Kering, conglomerado de luxo que controla a marca italiana, afirmou que Frida permanece até o fim de fevereiro, quando mostra sua última coleção, de Inverno 2016; e Patrizio sai já no dia 1º de janeiro. Quem irá substituí-lo é Marco Bizzarri, diretor executivo da divisão de couture e artigos de couro da Kering. Quanto ao cargo de diretor criativo, ainda não foi divulgado quem irá substituir Frida.

Priscilla e Vitorino-eb

Já no Brasil, Priscilla Darolt deixou a Animale e assumiu como estilista da Sacada, estreando no SPFW de Inverno 2015. Quem assumiu a Animale foi Vitorino Campos que também já fez sua estreia na mesma semana de moda e continua com a marca que leva seu nome.

Agora é esperar por 2015 para ver o resultado desta dança das cadeiras.

Arrivederci, Beatriz Arvatti.

Compartilhe.

Sobre o Autor

Não me lembro quando foi que o universo da Moda me conquistou, as vezes eu acho que eu já nasci amando tudo isso. Hoje sou estudante de moda, mas não me peçam para desenhar ou costurar, meu negócio é escrever! Filmes antigos, anéis, Audrey Hepburn, botas, 90’s, sinceridade, bolo quente, livros, batom e assaltar o guarda-roupa da vó.

Leave A Reply