Milan Fashion Week – Part II

0

Hey There!

A semana de moda de Milão veio com um calendário mais enxuto e com uma distribuição diferente em relação a edições anteriores. A Câmara Nacional da Moda Italiana colocou todas as grifes nos primeiros cinco dias e deu uma atenção especial a algumas marcas emergentes, mais jovens da Itália. Porque afinal, são tantas grifes e nomes de peso que fica realmente difícil para os novos designers conseguirem destaque. Já contamos aqui como foram os dois primeiros dias, e ainda tem muito mais pela frente.

sportmax1

A Sportmax é uma das novatas que merece destaque, é com extremo bom gosto que a marca propõe uma primavera-verão 2015 na qual a silhueta é over e os tecidos fazem referência aos trabalhos manuais. Os casacos, os blazers, as calças e os vestidos têm modelagem bem afastada do corpo e são acinturados por tiras largas de tecidos em amarrações frontais (tendência!) , enquanto as matérias-primas mostram tressês e e outros texturizados combinados com couro ou “sobrepostos” por estampas manchadas com cara de xadrez. Destaque para as calças e macacões cropped.

blumarine1

Outra novata que desfila pela quarta vez consecutiva é a Bluemarine, que alternando entre estampas e aplicações mostrou uma extensa variação floral com forte essência romântica, leve e feminina. E para garantir sensualidade entram em cena tules, transparências e peças ajustadas ao corpo com comprimentos curtos contrapostos com roupas mais soltinhas que dão liberdade de movimento às mulheres da marca. Atenção também para as flores 3D que parecem saltar das peças e envolver as modelos no fim do desfile sobre os tecidos com efeito ilusion.

tods

Em sua terceira coleção para Tod’s, Alessandra Facchinetti olha para as esculturas de Constantin Brâncuşi como ponto de partida. Vem daí o predomínio do branco, a pureza nas formas e os patches de couro (com uma aparência mais leve e esportiva) em recortes abstratos. O material, aliás, é chave no verão 2015. Superleves, aparece em vestidos de barras assimétricas, blusas e em ótimos jaquetas perfecto (outra peça importante aqui) minimalistas.

versace1

Menos mulher fatal, mais garota descolada: essa é a proposta da Versace para a primavera-verão 2015. A grife, conhecida pela sensualidade, mantém esse trunfo com os comprimentos curtos, as assimetrias e as transparências. Mas a ideia que parece comandar a passarela é mostrar uma moda mais cool, fresh, com alfaiataria jovem, despretensiosa e larguinha, lado a lado com roupas em modelagem afastada do corpo. Começando com uma alfaiataria assimétrica e preto e branca, decorada com ilhoses e faixas coloridas, passando pelas famosas estampas em peças amplas, até chegar no grande destaque do desfile os micro vestidos ou conjunto de minissaia é top cropped que brincam com as formas geométicas e são decorados com pequenos cristais em tons pastel.

A marca também aderiu a onda do mood esportivo (que não saiu da lista de trends das últimas quatro temporadas), Donatella Versace adiciona calças de cintura baixa, deixando a mostra o elástico da lingerie, a cara dos anos 90, e adiciona outros elementos ao styling como casacos jumpers. As t-shirts ganham upgrades não só por meio de materiais, mas também com aplicações de cristais, detalhes que a marca não abre mão. As listras são sem dúvida o highlight da temporada, ora brincando com color blocking ora cortadas por tules.

bv

A Bottega Veneta abriu o sábado da Milan Fashion Week com uma coleção atual e jovem. Os looks são simples, perfeito para qualquer momento do dia, que ganham toques práticos, visto que a moda tem flertado muito com esse conceito devido a essa onda neo-minimalista que já já estará por aí. O estilista Tomas Maier representa este momento com uma coleção sobre o corpo em movimento. Apresentou uma modelagem, ora ajustada, como em trajes de bailarinos, ora afastada do corpo, lembrando moletons e agasalhos de ginástica. As formas são básicas, mas, com toque especiais e peças clássicas, como camisas, camisetas e blazers, em silhuetas superconfortáveis. Tecidos usuais, como algodão e jeans (eles são chave nesta temporada) ganham toques superluxuosos e, às vezes, alguns bordados geométricos. Luxo para todo o dia.

A tradicional casa italiana é conhecida por suas bolsas desejo e para a próxima estação, apresentou o tradicional trançado, típico da marca, além de modelos com alça transpassada, clutches e um que lembra a clássica bolsa doctor bag, aquela maletinha clássica dos médicos.

All for now! Carolina Andrade

Compartilhe.

Sobre o Autor

Carol, 20 anos, paulista. Sabe aquela frase: “Os olhos são as janelas da alma.” Quem disse provavelmente não conheci a moda. Pois pra mim não existe maneira melhor de dizer que e como você é através do seu modo de vestir. E é por isso que decidi cursar Negócios da Moda e estou amando.

Leave A Reply